Fotos da Sardinhada junto ao Bar de São Tiago no dia 24 de Junho


P104055509-06-24_18-48109-06-24_20-21P1040549P1040550P1040581P1040583P1040591P1040562P1040580P1040556P1040569P1040553P104056609-06-24_19-2709-06-24_18-49109-06-24_20-08

Anúncios

UHF em Vila Nova de Poiares na Festa da Juventude


09-06-27_01-53109-06-27_01-52

09-06-27_00-26

Em Vila Nova de Poiares deram um verdadeiro espectáculo de som, imagem e cor, não fossem eles a melhor banda de rock português. A Festa da Juventude, organizada pela Câmara Municipal de Vila Nova de Poiares nos dias 26 e 27 de Junho,atraiu ao recinto da feira semanal, nos dois dias, cerca de três mil jovens. A música e a diversão foram as palavras de ordem, ao longo das duas noites, com vários concertos, merecendo especial destaque a actuação dos UHF que foi, sem dúvida, o ponto mais alto da festa, lotando por completo o recinto.

Terminados os concertos, a animação foi garantida com vários dj’s, que animaram as “hostes” noite dentro e nem as crianças foram esquecidas, com os insufláveis que fizeram as delícias dos mais pequenos. A par da música, destaque ainda para as tasquinhas, a cargo de várias associações, colectividades, bares, restaurantes, que asseguraram os tradicionais comes e bebes durante ambas as noites.

Em 1978 surgia em Almada uma banda de quatro rapazes com vontade de vingar na música. O grupo era formado por Américo Manuel (bateria), Carlos Peres (viola-baixo), Renato Gomes (Guitarra) e António Manuel Ribeiro (voz e guitarra). O primeiro concerto do grupo foi no dia 20 de Novembro de 1978. Em 1979 conseguem editar, através da Metro-Som, um EP com os temas “Jorge Morreu”, “Aquela Maria” e “Caçada”. Nessa altura os UHF já percorriam o país inteiro, chegando mesmo a fazer a primeira parte dos concertos de nomes como Dr. Feelgood e Elvis Costello. Durante o ano de 1980 tocam em muitas festas da APU (coligação ligada ao PCP) porque eles tinham um bom projecto cultural. No dia 16 de Agosto participam no I Festival Rock, que decorreu na Praça de Touros de Cascais, com Skids, Tourists, Original Mirrors e 999. Ainda em Setembro fazem as primeiras partes dos três concertos dos Ramones no nosso país.

Em Outubro de 1980 é editado o single “Cavalos de Corrida” que se tornou, em poucos dias, o número um do top de vendas em Portugal. Nesta altura o lugar de baterista era ocupado por Zé Carvalho.

Em Abril de 1981 é editado o álbum “À Flor da Pele” que atinge o galardão de disco de ouro. A primeira edição do disco (10.000 exemplares) incluía um single com os temas “Noite Dentro” e “Quem Irá Beber Contigo? (Desfigurado). O tema de maior sucesso do disco é “Rua do Carmo” que passa mais de 30 semanas no top do TNT.

Em 1982 editam novo disco com o Mini-LP “Estou de Passagem”. Ainda nesse ano mudam para a Rádio Triunfo e em Outubro é editado o álbum “Persona Non Grata” que inclui o grande sucesso “Mau Rapaz”. Seguiu-se uma digressão por França e Alemanha.

O álbum “Ares e Bares de Fronteira” é editado em Setembro de 1983. A primeira edição esgota rapidamente. Carlos Peres sai do grupo e entra José Martins para o seu lugar.  Francis (ex-Xutos & Pontapés) entra mas posteriormente é substituído por José Neves.

Em 1984 lançam o single “Puseste o Diabo em Mim”. Gravam um disco ao vivo, em Novembro de 1984, no Centro Cultural do Alfeite (Almada). A formação incluía os ex-Go Graal Blues Band Hippo e Fernando Delaere.

O álbum “No Jogo da Noite (Ao Vivo em Almada)” é lançado em Maio de 1985. O disco marca o fim do contrato com a editora Rádio Triunfo. Renato Gomes sai do grupo em 1986 e entra Rui Rodrigues para o seu lugar.

António Manuel Ribeiro foi o autor da canção que deu voz ao Partido Socialista nas eleições legislativas de 1987 (campanha eleitoral de Vitor Constâncio). O tema intitulava-se “É Hoje Agora”. É lançado um single de António Manuel Ribeiro com esse tema e com o instrumental “O Meu Nome Liberdade”. O grupo anda em digressão pela Alemanha na última quinzena desse ano.

O grupo assina com a Edisom que edita, em 1988, o single “Na Tua Cama”. O álbum “Noites Negras de Azul”, editado em Junho de 1988, inclui a participação de Renato Gomes no tema “Sonhos Na Estrada de Sintra”. Durante as gravações saem Rui Beat Velez e Delaere e entram Espírito Santo e Xana Sin.

Em Novembro de 1988 é editado o mini-álbum “Em Lugares Incertos” com cinco temas inéditos: “Ferir Até à Dor”, “(Fogo) Tanto Me Atrais”, “Coisa Boa”, “Foi a Dois (e Morreu)” e “De Um Artista”. Pedro Faro entra para o lugar de Xana Sin e entra também Renato Júnior (teclas e saxofone).

Em 1989 é editado um máxi-single com os temas “Hesitar”, “Está Mentira à Solta” e “(Fogo) Tanto Me Atrais”. O registo incluía também uma entrevista a António Manuel Ribeiro.

Em Junho de 1990 é editado o Mini-LP “Este Filme” com os temas “Este Filme”, “Amélia Recruta”, “No Portugal dos Pequeninos” e “O Rock de Cá”. A formação que gravou o disco incluía António Manuel Ribeiro (voz), Rui Rodrigues (guitarra), Renato Júnior (teclas), Xana Sin (baixo) e Luís Espírito Santo (bateria).

Em Outubro de 1990, os UHF lançam o duplo LP “Julho, 13” gravado ao vivo, no palco da Sociedade Incrível Almadense.

O grupo muda-se para a BMG que editaria, em Outubro de 1991,  o álbum “Comédia Humana”. Este disco incluía temas como “Brincar No Fogo”, “De Segunda Até Sexta” e “Do Zero”. O baixo era ocupado por Luís Filipe e na guitarra estava Toninho.

“Pálidos Olhos Azuis”, o primeiro álbum a solo de António Manuel Ribeiro, é editado no ano seguinte. Os UHF tocam ao vivo nos Coliseus de Lisboa e Porto.

O álbum “Santa Loucura” é editado em Maio de 1993. A versão de “Menina Estás à Janela” é o maior êxito do disco. Nesta altura o grupo era composto por António Manuel Ribeiro, Rui Dias (guitarra), Renato Júnior, Fernando Delaere (baixo) e Fernando Pinho (bateria).

No final de 1993 é lançado o Cd-Single “Sarajevo” (com duas versões do tema) e um CD-single, colocado à venda exclusivamente nas lojas Bimotor, com os temas “Menina Estás À Janela”, “Santa Loucura” e remisturas de “Aqui Planeta Terra” e “Esperar Aqui Por Ti”.

Os UHF participam na compilação “Filhos da Madrugada”, editada em Abril de 1994, com uma versão de “A Morte Saiu à Rua”.

O programa “Idade da Inocência”, da Rádio Comercial, convidou António Manuel Ribeiro, Miguel Angelo, Viviane e José Cid a gravar inéditos de Natal em 1994.

Em 1995 é editado o álbum “Cheio”. O disco inclui cinco temas inéditos, entre eles “Toca-me” e “Por Ti e Por Nós Dois”. O CD inclui dezoito temas, entre originais, inéditos e regravações. O single de apresentação foi uma nova gravação de “Cavalos de Corrida”.

É lançado um volume do “Talento Club Mania Show”, da autoria de Carlos Caseiro,  dedicado aos UHF.

Em 1996 é editada uma nova edição de “Cheio” com um disco bónus com mais sete gravações inéditas. Alguns dos temas foram regravados no ambiente acústico do Convento dos Capuchos.

O álbum “69 Stereo”, lançado em Novembro de 1996 conta com a participação de Né Ladeiras no tema “Amor Perdi”. O tema de maior sucesso é “Foge Comigo Maria”. O disco é considerado um dos melhores discos desse ano para o jornal “Público”.

Descontente com as editoras o grupo forma a Am.Ra Records. Em 1998 lançam o álbum “Rock é! Dançando Na Noite”.

Em 1999 é editada a compilação “Eternamente”, em formato duplo, com as versões originais dos temas gravados para EMI, Edisom e BMG. Apesar das negociações com a Movieplay, que se arrastaram por algum tempo, não foi possível integrar as cinco canções que tinham sido escolhidas do catálogo Rádio Triunfo (entre os anos de 1982 e 1985).

O segundo disco a solo de António Manuel Ribeiro, “Sierra Maesta”, é editado em 2000.

Em 2002, as Edições Garrido lançaram o livro “Todas as Faces de um Rosto” de António Manuel Ribeiro. O livro inclui poemas inéditos, letras de canções, notas de estrada e várias fotografias.

Nesta altura os UHF são António Manuel Ribeiro, António Côrte-Real, Fernando Rodrigues e Ivan Cristiano.

Em 2003 é editado o duplo-CD “La Pop End Rock” que marca o regresso do grupo à EMI.

O disco “Há Rock No Cais” é lançado em 2005. O mesmo disco é reeditado no ano seguinte.

Em 2006 o grupo dá concertos especiais nos Coliseus.

Em 2007 é editada a compilação “Canções Prometidas” com a versão de “Jorge Morreu” gravada em 1982, a primeira versão de “Estou de Passagem”, “Puseste o Diabo Entre Mim”, etc….

Este ano (2009), lançaram o 1º DVD “Absolutamente ao vivo”, que é uma obra prima, em conjunto com 1 duplo CD.

Passeio Pedestre – Serra do Vidoeiro


Domingo, dia 12 de Julho de 2009 a Comissão de Festas de Alveite Grande 2009 organiza um Passeio Pedestre ao ponto mais alto da Serra do Vidoeiro.
A concentração ocorrerá no Largo da Capela por volta das 9.30 horas.

É preciso levar comida e água?
Na minha opinião, sim! Para enganar o estômago a meio da manhã. A comida deve ser composta por sandes, bolachas, fruta, barras energéticas e de cereais. A água deve ser levada em quantidade razoável, nunca menos de 1,5 litros por pessoa. Todo este material deve ir acondicionado numa mochila. Para os Passeios Pedestres, basta apenas uma merenda ligeira e água.

A Serra do Vidoeiro é um dos locais mais procurados por quem gosta de desfrutar de paisagens naturais de beleza única.
Situada na mesma linha da Serra de Alveite, o seu relevo é de carácter + / – acidentado, de dificuldade média, recortado por antigas pedreiras, carvalhais e vegetação serrana.

Espectacular miradouro natural, junto ao posto de vigia florestal do Vidoeiro o qual abrange uma impressionante panorâmica sobre grande parte Este da Serra, com destaque para a Serra da Estrela, Barragem das Fronhas, Serra do Açor, Arganil, Pombeiro da Beira e a sul os Penedos de Góis, Serra da Lousã…
Todos os interessados em participar neste magnífico passeio terão, apenas, que estar no local e hora da concentração.

As inscrições tem o valor de 7.00 euros e são feitas até dia 9 de Julho 2009 no Centro de Convívio de Alveite Grande e no Café Mª Alice.

No fim do passeio vai haver um almoço no recinto da Capela.

(Angariação de fundos para a Festa 2009)

Sardinhada em Alveite Grande junto ao Bar São Tiago


Vai realizar-se uma sardinhada junto ao Bar São Tiago, oferecida pela Junta de Freguesia de S. Miguel no dia 24 de Junho de 2009 pelas 18H00.

Traz broa e amigos

07-07-31_20-20

Baile de S. João em Alveite Grande


No Centro de Covívio de Alveite Grande, vem divertir-te com o novo som dos ” Cheirinhos do Sul ” MUSÍCA, LUZ, e SOM

Dia 20 de Junho de 2009 às 21H30

A entrada é livre!

08-02-10_15-04

Colónia de Férias 2009 – Área da Infância e Juventude e Área Sénior


Colónia de Férias 2009

Informam-se todos os interessados de que se encontram abertas as inscrições para a Colónia de Férias 2009, na Praia de Quiaios, que decorrerá nos seguintes períodos:

Crianças (5 aos 16 anos)

turno: 10 a 23 de Julho de 2009.

——————————————–

Idosos

Turno: 27 de Julho a 07 de Agosto de 2009

As inscrições decorrerão de 01 a 30 de Junho de 2009 e deverão ser efectuadas no Edifício Novo da ADIP – Associação de Desenvolvimento Integrado de Poiares, S. Miguel – V. N. Poiares.

Gabinete de Acção Social – ADIP e C. M. de Poiares

09H00 – 12H30 horas

14H00 – 17H30 horas

Para mais informações contactar através do telefone: 239429000 ou Fax: 239429009

———————————————

Objectivos:

– Proporcionar um período de férias e lazer à beira mar;

– Estimular a ocupação dos tempos livres;

– Fomentar estilos de vida saudáveis;

– Promover a Inclosão Social.

Destinatários:

– Crianças com idades compreendidas entre os 5 e os 16 anos de idade;

– Adultos reformados e pensionistas a partir dos 50 anos de idade.

Períodos:

Crianças: 10 a 23 de Julho 2009

Idosos: 27 de Julho a 07 de Agosto de 2009

Documentos necessários:

– Cartão de Cidadão;

– B.I. ou Cédula;

– NISS;

– NIF;

– Cartão de Utente;

– Declaração médica (impresso fornecido pelos serviços da ADIP).

Missão da ADIP

Proporcionar aos seus Utentes / Clientes, um acolhimento personalizado de qualidade, que lhes permita o acesso à educação, formação e ao bem-estar pessoal, essenciais numa Sociedade Humanista e Solidária.

Programa da visita de Sua Exª o Presidente da República a V.N.Poiares


No próximo dia 16 de Junho de 2009, Sua Excelência o Presuidente da República , visita o nosso Concelho.

O programa da visita é o seguinte:

12h00 – Recepção nos Paços do Concelho seguida de Inauguração.

12h45 – Inauguração do Centro Cultural de Poiares seguida de Sessão Solene no Auditório, com intervenções do Presidente da Câmara Municipal e de Sua Exª o Presidente da República.

13h05 – Inauguração do Edifício Sede da ADIP – Associação de Desenvolvimento Integrado de Poiares.

13h20 – Inauguração do Quartel dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Poiares/Centro Municipal de Protecção Civil.

15h00 – Partida de Sua Excelência o Presidente da República.

Cabe a todos nós, manifestar ao Senhor Presidente da República a grande honra que representa esta visita, pelo que a Câmara Municipal e o seu Presidente, ao mesmo tempo que dão conhecimento público deste facto, aproveitam para convidar a Comunidade Poiarense a participar activamente nas cerimónias, demonstrando assim a Sua Excelência a nossa afabilidade e agradecimento por esta distinção.

Município de V. N. Poiares