Hospital Beneficência Poiarense (Unidade de Cuidados Continuados de Saúde) comemorou o 100º aniversário.


Rede de Cuidados Continuados vai continuar a crescer.
Não é nos hospitais que os dependentes recebem o apoio necessário, mas nas Unidades de Cuidados Continuados, como a do Hospital Beneficência Poiarense.
«A rede (de Cuidados Continuados) continuará a crescer», garantiu ontem o secretário de Estado adjunto e da Saúde, que presidiu à sessão solene comemorativa do 100.o aniversário do Hospital Beneficência Poiarense, hoje transformado numa Unidade de Cuidados Continuados de Saúde. Francisco Antunes Ramos revelou ainda que este ano será aberto novo concurso para apoiar a criação de novas unidades de cuidados continuados.
Perante uma sala repleta, o governante afirmou que o projecto, «desenhado e acarinhado pelo Governo», permitiu «finalmente» colocar a trabalhar em conjunto duas estruturas importantes (ministérios da Saúde e da Solidariedade Social) que, juntamente com outras instituições, na sua maioria Misericórdias, permitiram a criação de um serviço «adequado a responder às necessidades do país».
«Tínhamos bons hospitais, mas faltava uma rede de equipamentos que prestasse apoio aos idosos e às pessoas dependentes. Os cuidados adequados a estas pessoas não estão nos hospitais nem centros de saúde, mas nestas unidades», afirmou o governante, enaltecendo, por isso, o papel da Irmandade de Nossa Senhora das Necessidades, que gere a Unidade de Cuidados Continuados no antigo Hospital Beneficência Poiarense. «Esta casa é um exemplo para o país», afirmou Francisco Antunes Ramos, destacando o papel de uma instituição com cem anos que «tem hoje esta vitalidade e esta capacidade de se adaptar aos tempos modernos e de mudar conforme as necessidades daqueles que serve».
Nas comemorações do centenário do Hospital Beneficência Poiarense falou-se muito de Cuidados Continuados, mas a festa teve em vista homenagear os fundadores que, há cem anos, «tiveram a coragem de se lançarem em tão arrojadas obras», disse o provedor José Pedroso Carvalho. É por isso uma «justíssima homenagem», afirmou, lembrando que a instituição tem tido, desde sempre, a preocupação de implementar serviços para prestar apoio aos mais dependentes, por isso enalteceu o papel da administração central ao criar Unidades de Cuidados Continuados de Saúde. «Esta unidade é a prova mais evidente de que se está no caminho certo para atingir os objectivos do Governo», afirmou o provedor.
Presente na cerimónia, o presidente da União das Misericórdias Portuguesas garantiu ao secretário de Estado que as misericórdias vão continuar a aderir aos Cuidados Continuados «porque essa é a sua missão» e o resultado que se tem conseguido nestes três primeiros anos de experiência têm-se revelado «extremamente positivo». Sobre o distrito de Coimbra, que «tem sido um excelente parceiro», Manuel Lemos deixou a possibilidade de ser a partir deste território que se comecem a dar respostas «na área do apoio domiciliário». Porque «os Cuidados Continuados vão muito para além das unidades», justificou.

Fonte: D.C.

Hospital de Beneficência Poiarense

Pelas 15h00, a celebração da eucaristia pelo bispo de Coimbra na capela de Nossa Senhora das Necessidades.

Pelas 16H15, seguiu-se um visita às instalações da Unidade de Saúde onde teve lugar a sessão solene de aniversário e homenagem aos homens e mulheres que ajudaram a concretizar um sonho do concelho. (Bispo de Coimbra no discurso).

Presidente da União das Misericórdias Portuguesas

Presidente da autarquia Jaime Soares

Secretário de Estado Adjunto e da Saúde.

Anúncios

Inscrições para a Universidade Sénior de Poiares


Encontram-se abertas as inscrições para o ano lectivo 2008 / 2009da Universidade Sénior de Poiares.

Os alunos podem aceder às disciplinas de Música, História e Geografia, Direitos e Deveres dos Consumidores, Saúde, Informática, Artes Decorativas, Teatro (a confirmar) e iniciação à Psicologia. As inscrições devem efectuar-se na sede da Associação de Desenvolvimento Integrado de Poiares (ADIP), em São Miguel de Poiares, até ao dia 30 de Setembro, ou pelo telefone 239429000.

Benefício Fiscal ao Gasóleo Colorido e Marcado Destinado ao Sector Agrícola e Florestal


BENEFÍCIO FISCAL AO GASÓLEO AGRÍCOLA COLORIDO E MARCADO 2009

INSCRIÇÃO

Ficam avisados os senhores produtores agrícolas e florestais que, entre os dias 08 de Setembro e 14 de Novembro, decorre a época de inscrição ao Benefício Fiscal ao Gasóleo Agrícola Colorido e Marcado.

As inscrições e confirmações de inscrição fora do prazo referido ficam sujeitas ao pagamento do valor correspondente ao custo de instrução do processo para emissão de segunda via de cartão constante do anexo III da Portaria nº 166/2004, de 18 de Fevereiro.

Os interessados deverão dirigir-se aos serviços da DRAP Centro, delegação Regional da sua área geográfica munidos dos seguintes documentos:

– Bilhete de Identidade;

– Cartão de Contribuinte;

– Livrete e Título de Registo de Propriedade de Tractores Agrícolas e Florestais; ou Documento Único de Transportes de Rodas.

– Documento de titularidade, número de Quadro de outras Máquinas Agrícolas;

– Listagem de áreas que constituem a exploração (Parcelário ou Certidão de Teor Matricial);

– Certidão/Declaração emitida pela Segurança Social atestando a regularização sobre as situações tributárias e contributivas.

– Sempre que o plafond anual, indicativo ou de referência, exceda os 3.600 litros, deverá ser apresentada declaração de actividade a obter junto da respectiva Repartição de Finanças.

MÁQUINAS ELEGÍVEIS

MOTORES FIXOS POLIVALENTES: utilizados, designadamente no aquecimento de estufas e instalações pecuárias, secadores de cereais. (geradores);

TRACTORES: Tractores de rodas, tractores de lagartas equipados com bulldozer e ripper, tractores de rodas de tracção dupla equipados com balde frontal e rectroescavadora, (conjunto industrial);

CEIFEIRAS DEBULHADORAS;

MOTOCULTIVADORES;

MOTOENXADAS;

MOTOCEIFEIRAS;

MÁQUINAS DE COLHEITA AUTOMOTRIZES; designadamente: colhedores de batata, de ervilha, de forragem, de tomate, de beterraba e de tabaco, gadanheiras condicionadoras, máquinas de vindimar, vibradores de tronco e plataformas de colheita de fruta;

MÁQUINAS AUTOMOTRIZES DIVERSAS; plantadores, pulverizadores, carregadores de fardos, distribuidores de rações, ensiladores e máquinas de limpeza de estábulos;

MÁQUINAS ESPECÍFICAS DA EXPLORAÇÃO FLORESTAL; máquinas multifunções ( Harvester), tractor arrastador (Skidder), tractor carregador transportador (Forwarder) e escassilhador florestal.

Nota: Sublinhe-se o facto de no caso da confirmação de inscrição ocorrer dentro do período estabelecido não se vir a registar qualquer interrupção nos abastecimentos de gasóleo colorido, contrariamente ao que se verificará sempre que tal confirmação venha a ter lugar após termo da época das inscrições.

Piscinas Naturais da Fraga – (Set. 2008)


Palavras para quê?…

Encontro de Motas e Motorizadas Antigas


Encontro foi pelas 09H30 no largo de Nossa Senhora das Necessidades, onde houve um pequeno-almoço, almoço, lembranças e prémios.

Uma organização do Grupo Motard de Vila Nova de Poiares.

Confrarias Internacionais no VII Grande Capítulo


Gastronomia

A Confraria da Chanfana está de parabéns e celebrou este Domingo o seu VII Grande Capítulo que teve início pelas 09H00, a celebração da Missa solene, que este ano teve lugar na Igreja de São Miguel.

Pelas 10H00 foi servido um aperitivo no Jardim à Raça Poiarense, onde teve lugar no anfiteatro uma breve resenha histórica do concelho.

Pelas 11H00, depois da tradicional “foto de família” os confrades desfilaram pelas principais artérias da Vila, rumo ao novo Centro Cultural de Poiares, onde teve lugar a cerimónia de entronização dos novos confrades e também o almoço convívio.

Foram mais de 80 confrarias, vindas dos mais variados pontos do país, bem como algumas confrarias vindas de Macau, Cabo-Verde, Suíça, Espanha e França, desde já lembrando a importância e relevo da actividade da Confraria da Chanfana não só em Portugal como também no estrangeiro.

Confraria da Chanfana à saída da Igreja de São Miguel

Resenha histórica do concelho pelo Presidente da Autarquia

Desfile de Confrarias

Cabras decoradas em exposição na Poiartes


Cabras em tamanho real, fibra de vidro, que foram decoradas pelos munícipes. A exposição de cabras é visitada a partir do dia 12 de Setembro no Jardim à Raça Poiarense.

No dia 12 a adesão foi elevada, os 22 exemplares – 20 fêmeas e dois machos, compõem a mostra, destacando a importância que o animal sempre teve na economia do concelho, desde logo se atendermos ao facto de ser com a carne de cabra velha que se produz a chanfana, o ex-libris de Poiares, As peças podem ser apreciadas até Segunda-Feira, depois disso os exemplares vão ser leiloados, revertendo as receitas para o financiamento de iniciativas promovidas pela Confraria da Chanfana.

Vai haver uma “segunda volta” marcada para Janeiro, altura em que se realiza a Semana  da Chanfana, desta vez com exemplares para serem decorados pela restauração do concelho.